Introdução e renda fixa

Olá! Aqui é o João, tudo bom? Eu espero que sim 😊 E aí, preparado para entrar nesse mundo fantástico que é o dos investimentos? Então vem comigo! E já te alerto, depois desse relatório existem grandes riscos de você se apaixonar pelo hábito de investir - e isso vai gerar muitas mudanças em sua vida 😉 Vamos lá? Pegue um cafézinho (sem açúcar hein 🙄) e vamos começar: Então, do começo... Investir nada mais é que abrir mão do dinheiro agora, em troca de recuperá-lo no futuro, e quem diz isso não sou eu, mas o gênio dos investimentos, Warren Buffet - já ouviu falar esse nome? Se você não o conhece, ele é o CEO da Berkshire Hathaway, e possui um patrimônio na casa das dezenas de bilhões de dólares. Além disso ele tem uma característica apresentada em quase todos os investidores bilionários - sabe qual é? Inteligência? Bom, ele certamente não é um caso comum, mas surpreenda-se que o QI elevado não é necessário para se dar bem com os investimentos! A característica que estou me referindo são os cabelos brancos. Investir não é legal, não tem emoção - pelo menos não deveria ter - além de sermos ensinados a não gostar de gastar dinheiro ou tempo com quase nada que não seja lazer - fala a verdade, quantos livros e cursos você já comprou na vida? Agora quantos filmes e séries você já viu? Investir requer uma mudança de mentalidade, que as pessoas normalmente não aceitam. Você tem que ter disciplina e focar no que realmente faz diferença em um investimento - boa gestão e tempo. A chave está em deixar os juros agirem, sempre procurando oportunidades de pagar barato em bons negócios e dando tempo suficiente para que esses investimentos maturem. Beleza, agora que já foi a parte chata - mas que tem que ser dita 😐 - vamos falar das maneiras que você pode colocar seu dinheiro para trabalhar por você. Basicamente, se você quer investir seu dinheiro, você tem 2 opções: fazer algo por si mesmo - empreender - ou "pagar a alguém" para empreender por você - comprar ações. Há também empréstimos de dinheiro que você pode fazer, não é bem um investimento, mas tem bancos por ai que podem pagar boas taxas por ano para usar o seu dinheiro - não, não é na poupança. Então, partindo da ideia de que você já possui um trabalho, ou algo que ocupe a maior parte do seu tempo, a saída que te resta é comprar ações ou emprestar seu dinheiro. Caso opte por emprestar você pode escolher entre emprestar para o seu país - comprando o tesouro direto - ou para algum banco - através de um CBD. O tesouro direto é visto como o investimento mais seguro, por que a única maneira de você perder dinheiro, seria se o seu país quebrasse. CDBs também são bem seguros, por que as chances de um banco quebrar são baixas - principalmente se for um grande banco. Além disso, como o nome já diz, eles te pagam uma renda fixa. Portanto, embora ele te tranquilize pelos riscos, esse tipo de investimento também nunca vai te surpreender positivamente. A taxa do tesouro direto, como também de outros investimentos de renda fixa como CDI, CDB, LCI, LCA é regulada de acordo com a Selic. - Eu sei, um monte de letrinha, então vou explicar só o que você precisa saber, ok? Ao comparar investimentos, a "base" - a taxa mínima esperada - deve ser sempre o CDI. Qualquer investimento que te retorne menos que essa taxa, você está perdendo dinheiro. Ah, mas e a poupança? Sai fora, a poupança para algo entorno de 90% do CDI! Se você colocar esse dinheiro na Nubank - isso não é um patrocínio, mas poderia ser 🤔 - ele rende mais que isso. Enfim, todas essas maneiras de empréstimo de dinheiro, seja para um banco ou para a União, são chamadas de renda fixa - isso porque pagam uma taxa fixa mensal como juros dos empréstimos. E dá pra investir na renda fixa? Então, a renda fixa é uma ótima reserva de capital, por te pagarem essas taxinhas sem riscos e terem boa liquidez. Se você está guardando o dinheiro da viagem que vai fazer no meio do ano, por exemplo, esta é a melhor aplicação. Porém você não vai nunca ficar rico com ela, muito menos conseguirá viver de seus rendimentos - a não ser que você já tenha algumas dezenas de milhões na conta. E qual a saída para realmente ficar rico? Empreender ou ser sócio de alguém. E quando digo ser sócio não é simplesmente criar uma empresa, mas realmente comprar grandes empresas! Você pode ser sócio da Ambev, do Itaú, da Magalu, do Google, do Facebook, da Amazon... Ou ainda ser sócio de shoppings, de prédios comerciais, de aeroportos! Todas essas sociedades são negociadas diariamente. "Ahh, mas eu não tenho dinheiro para ser um sócio importante em nenhuma dessas empresas, então não vou ganhar nada com isso 😕" Pelo contrário! Inclusive, você irá ter mais liquidez por ter poucas ações, conseguindo vendê-las, se precisar, em um instante! De qualquer maneira, a ideia principal de investimento em ações - e quando digo ações estou falando de todo um Universo de mercados - é adquirir ótimas empresas a bons preços - e nunca vendê-las. Mas nunca se esqueça que demora um tempo pra seus rendimentos te retornarem. A vontade de se arriscar mais e ser ganancioso ou o medo de perder dinheiro podem te atrapalhar e te levar a tomar péssimas decisões, mas com disciplina e alguma ajuda - tô aqui pra isso 😉 - a gente consegue! Um abraço, Até amanhã!

Introdução e renda fixa